Quanto ganha um analista fiscal?

Tempo de leitura: 2 minutos

O analista fiscal é o profissional formado em Ciências Contábeis, que provavelmente já passou pelos cargos de assistente fiscal e analista contábil. Mas, afinal, quanto ganha um analista fiscal? Antes de sabermos a remuneração desta área da contabilidade, precisamos entender que um analista fiscal possui uma rotina repleta de atividades, lidando, muitas vezes, com diversos departamentos de uma empresa. Isso explica a importância desses profissionais para qualquer negócio.

Diante de sistemas tributários tão burocráticos como o Simples Nacional, Real e Lucro Presumido, analistas fiscais geralmente são responsáveis por exercer as seguintes atividades:

  • Acompanhar a legislação tributária
  • Elaborar relatórios
  • Balanço patrimonial
  • Apoiar o setor de controladoria
  • Registrar operações fiscais
  • Participar de planejamentos tributários
  • Elaboração de certidões fiscais  
  • Responsabilizar-se pela documentação, entradas e saídas de mercadorias em todas as áreas da empresa
  • Declarações federais e estaduais

Como você pode perceber, um analista fiscal carrega muitas responsabilidades e deve ser um profissional extremamente qualificado para exercer essas funções. Embora algumas dessas atividades já sejam de conhecimento de grande parte dos contadores, o mercado de trabalho exige algumas habilidades que beneficia também quem pretende trabalhar por conta própria, como diligência, capacidade analítica e raciocínio lógico.

É imprescindível que analistas fiscais se mantenham em constante atualização, uma vez que esse profissional vai ajudar as empresas a se manterem em dia com as obrigações e estar atento a possíveis avanços no negócio. Mas, afinal, quanto ganha um analista fiscal?

Como vimos em outro artigo deste blog, a contabilidade é uma das áreas responsáveis pelos cargos que vão ter remunerações competitivas em 2021. De acordo com o 13º edição do Guia Salarial, elaborado pela empresa de recrutamento Robert Half, um analista fiscal ganha, em média, de R$5.000 a R$11.000. Um salário promissor não é mesmo?

Mas, lembre-se! A trajetória deste profissional requer constante aprendizado, habilidades como relacionamento interpessoal, já que em muitos casos o analista fiscal vai manter contato com diferentes departamentos de uma empresa, capacidade analítica e raciocínio lógico. 

Atualmente, a tecnologia já facilitou muitas atividades inseridas nas rotinas contábeis, o que contribui para que o analista fiscal foque na análise de resultados e possíveis melhorias realizando um contraponto do cotidiano da empresa ao cenário em que estamos inseridos no momento, em busca do planejamento tributário ideal. Para se tornar um analista fiscal de sucesso, você deve começar pela graduação de Ciências Contábeis, mas o Viver de Contabilidade estará aqui para te ajudar em qualquer momento da sua carreira.

Contabilidade 4.0: Conheça as tendências do mercado contábil

E-book gratuito com tudo que você precisa dominar para ser um verdadeiro Contador Profissional.

Você gostaria de ter a Prática Contábil?

Dominar as atividades do dia a dia de um contador e atuar na área Fiscal, Contábil e Legal da contabilidade?

Já pensou em aprender 12 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Temos uma formação completa que ensina tudo que um contador precisa saber no dia a dia, Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado, e o melhor, na Prática!

Se você precisa da Prática Contábil, CLIQUE AQUI e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil