Vale-Transporte ou Vale-Combustível?

São inúmeros os benefícios que uma empresa pode oferecer aos seus colaboradores com o objetivo de melhorar a qualidade de vida no trabalho e tornar a empresa mais atrativa.

Entre tantos benefícios, podemos contar com o auxílio para a locomoção dos colaboradores (residência – trabalho – residência), que pode ser por meio do vale-transporte ou vale-combustível.

Apesar de terem o mesmo objetivo, se destinam a perfis e a necessidades diferentes. Porém, muitos se perguntam, qual é melhor: vale-transporte ou vale-combustível?

Continue a leitura e confira!


 

Você precisa da Prática no Departamento Pessoal para trabalhar na área?

Que tal absorver anos de conhecimento na área em pouco tempo?

Você pode ter acesso a um atalho para dominar Folha de Pagamento, Admissão e Demissão de Funcionários, eSocial e muito mais

Se você está em busca de conhecimento para conquistar um bom emprego ou estar pronto para as oportunidades, clique no link abaixo e conheça o caminho mais rápido para ter a Prática no DP.

CONHECER

O vale-transporte

O vale-transporte é um direito garantido por lei ao colaborador que é contratado pelo regime CLT para locomover-se até o local de trabalho e até sua residência utilizando o transporte público. 

O pagamento do transporte deve ser feito antecipadamente pelo empregador, por meio de passes/cartão, sendo que o valor não tem natureza salarial.

Apesar da garantia prevista pela legislação, o empregador possui o direito de descontar 6% do salário-base do colaborador que optar pelo benefício. Porém, o colaborador pode dispensar seu recebimento, se considerar que o desconto não é vantajoso.

O vale-combustível

Como nem todos os colaboradores utilizam o transporte público para se locomover, existe a possibilidade de oferecer o vale-combustível para aqueles que optam por utilizar o próprio veículo. 

Neste caso, é necessário haver um acordo entre o empregado e empregador, na qual o colaborador manifesta expressamente a opção pelo vale combustível e renúncia ao vale transporte.

É possível conceder o vale combustível por intermédio de um cartão específico ou adiantar em dinheiro. Contudo, optando por receber o valor em dinheiro, o colaborador deve comprovar seus gastos por meio da apresentação de notas fiscais.

Importante ressaltar que no caso do vale combustível, é proibido descontar os 6% do salário-base do colaborador.


 

Você precisa da Prática Contábil para trabalhar na área?

Que tal absorver 12 anos de conhecimento na área em pouco tempo?

Você pode ter acesso a um atalho para dominar Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido

Se você está em busca de conhecimento para conquistar um bom emprego ou estar pronto para as oportunidades, clique no link abaixo e conheça o caminho mais rápido para ter a Prática Contábil.

CONHECER

O vale-combustível é só para os trabalhadores CLT?

Não! Como vimos, o vale-combustível não está previsto na legislação e trata-se de um benefício opcional. Porém, quando previamente acordado, o benefício poderá ser oferecido a colaboradores regidos pela CLT ou em outros regimes de contrato.

Vale-transporte ou vale-combustível: Qual é melhor?

O empregador tem a possibilidade de oferecer as duas opções para seus empregados, mas cabe ao colaborador escolher a forma de recebimento mais vantajosa e que melhor atenda às suas necessidades.

Vale frisar que, embora os benefícios tenham a mesma finalidade, oferecer as duas formas de auxílio transporte fortalece a marca empregadora, pois se mostra preocupada com o bem-estar e satisfação dos colaboradores.


 

Você precisa da Prática no Departamento Pessoal para trabalhar na área?

Que tal absorver anos de conhecimento na área em pouco tempo?

Você pode ter acesso a um atalho para dominar Folha de Pagamento, Admissão e Demissão de Funcionários, eSocial e muito mais

Se você está em busca de conhecimento para conquistar um bom emprego ou estar pronto para as oportunidades, clique no link abaixo e conheça o caminho mais rápido para ter a Prática no DP.

CONHECER

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *